14 de abr de 2013

O Fio da História




        Dizem que no início do início, antes mesmo de o homem existir na terra, havia uma árvore gigantesca, bem no centro do mundo. Era tão alta que seus galhos sustentavam o céu. Ela era o eixo do universo. A árvore convivia com os três planos do cosmos. 

       Enquanto as raízes mergulhavam na escuridão das regiões subterrâneas da terra, seu tronco e os ramos mais baixos lançavam o olhar para os vales e campos verdejantes da superfície. Já os galhos superiores e sua copa erguiam-se nas alturas, em busca da luz. 
       A árvore agregava em si a presença dos quatro elementos. A terra alimentava suas raízes. A água circulava pela sua seiva. O ar nutria os ramos e folhas e o fogo oferecia-lhe o calor necessário para crescer. 
       Dizem também, que seu porte majestoso e vertical garantia a união de Urano (o céu), com Geia (a terra). Para muitos, ela era a Árvore da Vida, pois alimentava o mundo e abrigava a vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog