7 de abr de 2010

Pedro, o Cruzeiro do Sul e seus leitores

Hoje estive na escola Energia Ativa em Curitiba para conversar com as três turmas de terceira série, que estão lendo Pedro e o Cruzeiro do Sul (SM).

Que delícia. Criança é um barato, é alegria em movimento. Vivem num tempo sem censura, uma descoberta atrás da outra. Puro encantamento.Aí a gente se encanta também, se pega descobrindo com eles. E os olhos das crianças? Vocês já perceberam como brilham? É a vida pulsando. E as crianças são lindas. Sempre são lindas.

Logo de cara um menino veio me dizer que se "embolotava" todo pra falar as frases difícies da avó do Pedro. Rimos muito, porque naquele momento, ele se embolotou mesmo, ao falar essa palavra, acho que uma mistura de embaralhar com embananar. Eu entrei na dança das palavras difícies de serem ditas, e quando me dei conta, estava confundindo ainda mais a comunicação, ao introduzir a palavra embolorar.

E a gente acabou fazendo graça e brincando com a sonoridade da fala da avó do Pedro, que dizia assim "era uma velha furunfunfelha de maracuntelha, junto com a moça furunfunfosca de maracuntosca, foram na roça furunfunfoça de maracuntoça..."

Quanta curiosidade existe nas crianças. Depois a gente cresce e vai esquecendo de ser curioso, se torna conformado e se acomoda ao conhecido. Eles queriam saber tudo: quais os sentimentos que eu vivi ao escrever o livro; se senti medo; se fiquei feliz; quanto tempo demorei para escrever; se me inspirei na minha vida; de onde surgiu a idéia do livro; porque o gato chama Mel; porque o Pedro é assim; porque, porque, porque.

E se revelaram ao falar das suas memórias, do primeiro banho de mar, dos olhares para o céu, no sítio do avô,  afim de localizar as Três Marias, o Cruzeiro do Sul.

Estava na hora de ir embora, um autógrafo, um beijo e o agradecimento, mesmo silencioso,
por compartilhar um instante tão raro com o meu pequeno leitor. Eba! E assim meu livro se concretizou

Obrigada Cristiane, Luciana, obrigada Paulo.

3 comentários:

  1. Palestra maravilhosa com a Cléo Busatto, os alunos gostaram muito.......obrigada pela pela visita.....
    Profª Elaine

    ResponderExcluir
  2. Olá Cleo, meu filho (Pedro,coincidentemente) amou esse momento na escola. Empolgou-se pela primeira conversa com uma escritora e por ter o primeiro autógrafo em um livro. Parabéns por proporcionar o prazer pela leitura à nossas crianças. Rosana (mãe).

    ResponderExcluir
  3. Obrigada Elaine, espero estar com vcs outras vezes. E que prazer lhe ouvir, Rosana e saber dos efeitos dos afetos em pedro. Que essa marca que chegou nele oestimule a explorar ainda mais esse mundo fntástico da leitura.

    ResponderExcluir

Arquivo do blog