29 de abr de 2012

O presente de Bartolomeu



Panthera onca, Belize

Hoje abri o Dicionário de Símbolos em busca dos quatro elementos e encontrei Bartolomeu Campos de Queirós. Foi assim. No ano passado dei a ele uma caixa com três antigos carretéis de madeira, ainda carregados com fina linha com tons em dégradé. Ele agradeceu com um cartão postal, da Taschen. De um lado um Jaguar, Panthera onca, Belize. Do outro sua mensagem poética. Eis que os elementos que eu buscava são amarrados com finos fios multicores evocando passado, futuro, e construindo o presente.

Estimada Cléo

Fiquei muito feliz com seu presente. Os carretéis são lindos e ainda com linhas coloridas... Estive sempre a me perguntar o “ porquê” de gostar tanto desses objetos que já não se usam mais. Acho mesmo que a vida é uma questão de costuras. A gente busca o passado, amarra com o presente e põe o futuro no sol.

Com meu muito obrigado e mais o meu abraço amigo, sempre,

Bartolomeu

em 12.07.11




Um comentário:

Arquivo do blog