29 de mai. de 2020

Que história contar?

Hoje eu gostaria de conversar com você sobre a escolha do livro literário que você vai ler, ou da história que você vai narrar para a sua criança.

Leia ou  conte a história que diz alguma coisa pra você, aquela que você gosta, que lhe toca de uma maneira especial. Esta é a história certa, porque se ela fala para você, certamente falará com seu filho. Ao escolher um conto, a gente estabelece certos critérios: afetivos, pedagógicos, literários. 

A nossa escolha acaba sendo um exemplo daquilo que a gente pensa, sente e acredita. Isso passa para a criança, isso chega como uma referência para o seu filho.



25 de mai. de 2020

A literatura humaniza


A conversa de hoje é sobre a importância da literatura na formação das crianças. Apesar de muitas pessoas considerarem a literatura como um passatempo desprovido de sentido, ela tem um grande poder, e é justamente este descomprometimento que carrega sua maior virtude. A literatura fala de coisas sérias de forma despojada. Fala de assuntos pesados de um jeito leve.  

Sem se dar conta, a criança acaba fazendo um exercício do espelhamento e, através da história do personagem, ela pode viver uma experiência íntima significativa e de história em história, ele vai se construindo. A literária educa e nos ensina a habitar poeticamente o mundo, nos torna mais humanos, solidários, tolerantes e amorosos. Que tal? E tudo isso através de uma história.




18 de mai. de 2020

Fantasia alimenta


O recado de hoje é para os pais que querem ver seu filho lendo, se tornando uma criança antenada, feliz, bem alimentada de fantasia. Para isso ela precisa ter acesso a livros literários de qualidade. Livros que falam de coisas lhe interessem, são úteis para construir a prática leitora. Assim, ela se encanta pela literatura e segue lendo vida afora, em qualquer situação.  

Você já parou para pensar que o livro não precisa de tomada pra funcionar? É um companheiro para todas as horas. Ele conforta, diverte e instrui.  Leia com seu filho, leia para seu filho, mostre que você também é um leitor, uma leitora, e construa o caminho para a formação do seu filho leitor.



13 de mai. de 2020

Criança leitora não se deixa enganar


O título da história de hoje é: criança-leitora não cai no conto do vigário. Quer ver uma criança com opinião própria, que predica, pesquisa, busca informações, que identifica pegadinhas e outros truques da internet e não se deixa enganar tão facilmente? Esta é uma criança-leitora.

A leitura amplia nossa capacidade de discernimento, nos ensina a ler o mundo que nos cerca. É! Porque ler não significa apenas ler um texto escrito, podemos ler uma expressão facial, uma postura corporal ou um subtexto, que é aquilo que está por trás das palavras, o verdadeiro sentido da comunicação.

Viu só como é importante dar livro para o seu filho? A literatura nos prepara para a vida.



4 de mai. de 2020

Se liga no livro

 

Inicio hoje, algumas postagens com dicas para pais, professores, mediadores de leitura e contadores de histórias. Aqui no blog vocês poderão ler o texto e podem assistir o vídeo disponibilizado no YouTube.

A primeira dica é para você, que é o primeiro mediador de leitura do seu filho. Lembre-se, rede social não forma leitor. Você deve saber que o gosto pela leitura se adquire lendo. Então, que tal propor ao seu filho: se desliga das redes, se liga nos livros! Você pode ajudá-lo.

Para começo de conversa é super importante criar um ambiente leitor, afinal, a gente também se forma através de exemplos, e uma criança que cresce numa casa que tem livros espalhados por ela, que vê os pais lerem, certamente vai ser um leitor. 



Enamorados, de Cléo Busatto, no PNLD 2021

   

Arquivo do blog